Centro de Cultura ACM comemora aniversário de 15 anos


Com programação especial, centro celebra seu aniversário com homenagem a artistas locais

Aniversário do ACM (1)

O Centro de Cultura Antônio Carlos Magalhães, espaço gerido pela Secretaria de Cultura da Bahia (SecultBA), comemora no dia 20 de outubro (terça-feira) seu 15º aniversário. Para marcar a comemoração, o espaço preparou uma programação especial e gratuita para a comunidade. Os interessados em participar poderão retirar seus convites no local, que comporta 518 pessoas, no período de 05 a 15 de outubro, das 14h às 18h.

A partir das 19h, o público poderá prestigiar a Orquestra Clássica Popular – formada por jovens músicos de sopro e cordas do município de Jequié – e a Orquestra de Câmara Premiere, formada por Caio Costa, Antoniel Almeida Geovane Souza e Elvis Carlos, além de outras atividades como exposição de artes visuais e a apresentação do grupo de reisado As Pastorinhas.

Na ocasião, o Centro homenageará a memória dos artistas, Moisés Viana, músico, compositor e artista plástico, e Roberto de Abreu, diretor teatral e professor. “Foram dois artistas que deixaram um importante legado para o município de Jequié”, diz o coordenador Alysson Andrade. O professor Roberto de Abreu foi decisivo para implantar, na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), o único curso de Licenciatura em Artes Cênicas do interior da Bahia.

Sobre o Centro de Cultura Antônio Carlos Magalhães – O Centro de Cultura ACM, localizado em Jequié, foi inaugurado em 2000 e se configurou como um dos espaços culturais mais bem equipados e de maior espaço físico no interior do estado. O centro já foi palco, desde a sua inauguração, de grandes artistas como Renato Piaba e já recebeu espetáculos como Dois Perdidos Numa Noite Suja com André Gonçalves. O espaço também já contou histórias de figuras históricas do nordeste brasileiro, como no espetáculo Na Escuridão do Sertão Quem Ilumina é Lampeão, além de sediar diversos projetos socioculturais, festivais, mostras cênicas, conferências e seminários. Para o coordenador, tais eventos trazem visibilidade à produção cultural. “Fortalece o diverso e o sincrético, bem como amplia o acesso da sociedade as apresentações artísticas”, completa Alysson.

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), e localizados em diversos Territórios de Identidade. Destes, cinco encontram-se em Salvador –  Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro de Cultura de Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista. Para mais informações, acesse: www.espacosculturaisbahia.org

PROGRAMAÇÃO DE ANIVERSÁRIO

19h – Recepção do público pelo grupo de reisado as pastorinhas

19h30 – Roda de capoeira com Filhos do Zumbi – Contramestre Barbixa

19h50 – Apresentação da Orquestra de Câmara Premiere

20h – Exibição de vídeo do Centro de Cultura ACM

20h10 – Orquestra Clássica Popular De Sopro E Cordas

20h30 – Show Musical com Bené Sena, Ana Barroso, Ronaldo Lima e Pedro Neto (Tocando Baden Powell – Os Afros-Sambas – e Antonio Carlos Jobim)

Anúncios