Mostra Itinerante de Culturas Populares finaliza atividades em Itabuna


Oficinas, vídeos e apresentações celebram encerramento do projeto no Centro de Cultura Adonias Filho

13096015_1241758442501285_7350694722192744266_n

Foto: Divulgação

A Mostra Itinerante de Culturas Populares chega ao Centro de Cultura Adonias Filho – espaço cultural administrado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) em Itabuna -, onde encerra o projeto com suas últimas apresentações com 04 ações, todas gratuitas. A Mostra acontece entre os dias 12 e 15, a partir das 09h, e com classificação livre. A iniciativa conta com apoio financeiro do Fundo de Cultura da Bahia, mecanismo de fomento à cultura gerido pelas secretarias de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) e da Fazenda (Sefaz).

Através de quatro ações, o projeto busca estimular manifestações e culturas populares e é especialmente direcionado à comunidade local, de todas as idades, que tenham interesse sobre a cultura brasileira e baiana. A Mostra oferece exibição de curtas-metragens, apresentações de grupos de culturas populares baianos, oficina de audiovisual e oficina de cultura popular.

Os curtas foram selecionados mediante inscrições gratuitas e avaliados por comissões especializadas nos campos de cinema e culturas populares. São filmes nacionais, sendo de ficção ou documentário, que retratam culturas populares, bem como suas tradições, saberes, representações e identidades. O público deve escolher o melhor curta-metragem e, no último dia, o vencedor recebe uma premiação no valor de R$ 1 mil.

As apresentações dos grupos acontecem somente uma vez por município, sendo escolhidos nove grupos, três para cada cidade, conforme seleção da curadoria da Mostra. Os grupos participantes são populares e/ou tradicionais em seu município das áreas de música, teatro, dança folclore, festa, literatura e artes em geral.

Oficinas

A Oficina de Audiovisual oferece carga horária de 12h e visa estimular o uso das linguagens audiovisuais como ferramenta de expressão. Os participantes terão contato com dispositivos digitais e portáteis, momento em que podem aprender técnica de produção, além da aula teórica sobre cinema e ficção, possibilidades de uso do cinema e de difusão em plataformas digitais.

A última ação é a oficina com mestres locais de culturas populares, também com carga horária de 12h, que ensinam técnicas de aspectos da cultura popular local. Os alunos podem aprender um pouco da teoria e prática de instrumentos, literatura, dança, teatro, folclore ou artes da sua comunidade, a fim de preservar as tradições locais.

O projeto

A Mostra Itinerante de Culturas Populares busca a valorização das culturas tradicionais e populares, a promoção de espaços de trocas dessas manifestações e a circulação de ideias entre gerações, a partir do encontro dos jovens e mais velhos. O projeto já passou por dois espaços culturais, entre os meses de março e maio, o Cine Solar Boa Vista e o Teatro Dona Canô.

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais. Para mais informações, acesse: http://www.cultura.ba.gov.br

Anúncios